GUARDA CIVIL DE COTIA SOFRE ATAQUE E MATA DOIS MARGINAIS EM CONFRONTO

quinta-feira, 8 de novembro de 20122comentários

 viatura alvejada pelos criminosos
Tiros. Medo. Pânico. Feridos. Mortos. O clima era de guerra na região do Morro do Macaco na noite desta quarta-feira (7).

Quase que simultaneamente duas trocas de tiros entre bandidos, supostamente da facção criminosa Primeiro Comando da Capital – PCC provocaram grande terror e tumulto.

Uma viatura da Guarda Civil de Cotia, com dois agentes, foi abordada por dois homens em um automóvel Vectra preto em frente ao hipermercado Extra por volta das 21 horas. Houve troca de tiros.

Segundo informações, um deles teria colocado uma metralhadora para fora do veículo e disparado contra a viatura. Os guardas, mesmo baleados, revidaram pelo parabrisa e conseguiram alvejar o indivíduo que estava no banco traseiro.

Praticamente todas as viaturas da Guarda de Caucaia, Cotia e Granja Viana foram dar apoio aos colegas e iniciaram a perseguição ao veículo.




Ao entrar na Rua Pelicano, os bandidos abandonaram o veículo e entraram na favela. Os guardas seguiram as manchas de sangue e foram até um barraco onde os três estavam trocando de roupa. Ao dar voz de prisão, um deles se rendeu. Os outros dois iniciaram novo tiroteio e na troca de tiros os dois foram alvejados. Eles foram socorridos ao Hospital de Cotia, onde já chegaram mortos. Outros dois foram presos.

Com eles foram apreendidos dois revólveres calibre 38 e uma metralhadora Uzzi. Os dois Guardas Civis foram socorridos ao Hospital de Cotia. Um dos tiros pegou nas costas do colete do motorista da viatura e o outro na axila do outro guarda. Dois bandidos ainda não identificados, atingidos na troca de tiros foram socorridos no Hospital de Cotia mas não resistiram aos ferimentos e morreram. Os guardas civis que não tiveram os nomes revelados também foram socorridos e não correm risco de morte.




















Vídeo: Matéria gcm no final do vídeo!!!

Compartilhe este artigo :

+ comentários + 2 comentários

10 de novembro de 2012 08:21

"O todo vale mais que a parte. Se a parte ameaça o todo, o todo tem o direito de eliminar a parte que a ameaça. Assim, o corpo (todo) é mais que a mão (parte). Se alguém tem câncer na mão (parte), câncer que ameaça a vida do corpo todo, há direito de amputar a mão, para salvar o todo. Assim, o criminoso é parte da sociedade. E se, com seus crimes, ele ameaça a vida da sociedade, esta tem o direito de eliminar a parte (o criminoso), para salvar o todo (a sociedade).E este argumento é de São Tomás de Aquino. Por fim, a não punição dos criminosos faz com que o crime se alastre. O crime é contagioso como a peste. E isto é o que estamos vivendo aqui, no Brasil, hoje: os criminosos não são punidos, e o crime se alastra".

JEFFERSON 7519
14 de novembro de 2012 20:45

PARABENS AOS GCM QUE ESTAVAM ATENTOS AO SERVIÇO E TIVERAM EXITO!

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do Site Amigos da Guarda Civil, a responsabilidade é do autor da mensagem.

"O SITE NÃO SE RESPONSABILIZA POR MATÉRIAS E ARTIGOS ASSINADOS POR SEUS COLABORADORES"


Postagens populares

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2011. AMIGOS DA GUARDA CIVIL - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger